Colunas‎ > ‎Você que manda‎ > ‎

Quando Reitor almoçou conosco!

postado em 29 de abr de 2011 12:27 por André Luiz Covre

Há umas três semanas, dia 23 de março, houve uma manifestação no refeitório do campus II, durante a qual o Reitor Pedro Ângelo presentou os alunos com sua companhia durante um almoço.

Ele desfrutou de um almoço não muito agradável. Não que a comida estivesse ruim, mas não deve ter descido muito bem. Sob calorosas críticas e objeções à sua inércia quanto a situação do restaurante, sentou à mesa com alguns alunos e comeu calado ao som das musiquinhas em tom de reivindicação.

Todo alvoroço foi pra mostrar ao Reitor ao que os estudantes têm que se submeter para conseguir comer na Universidade: filas pra tudo que se possa imaginar, mau atendimento dos funcionários, sem falar na superlotação.

Até que ele teve sorte, foi em uma terça feira, dia em que o restaurante nem fica tão cheio assim. Além disso, foi apenas UMA terça feira. Quero ver agüentar aquilo todo dia!

Mas o foco desta coluna não é criticar o Reitorado, nem descrever o movimento. Minha pretensão é abrir os olhos dos estudantes, principalmente, do BCT, já que somos um dos maiores cursos da universidade.

O manifesto já rendeu à cantina um bebedouro. Pouca coisa, sim, mas é assim que começam as grandes mudanças: aos poucos. E isso já é um exemplo de que é por meio da exigência dos nossos direitos que vamos conseguir alcançá-los. Ninguém vai nos dar o que precisamos se não nos empenharmos para tanto.

Algumas comissões de “fiscalização” compostas por alunos de vários cursos foram formadas em uma Assembléia do DCE, com objetivo de verificar, por exemplo, o andamento das obras no campus II e as decisões relacionadas ao transporte. Mais uma vez, exemplos de alunos correndo atrás do que merecem.

Mobilizações não faltam, gente querendo reclamar, menos ainda. E não estão errados! Se não está bom, porque deixar que tudo continue na mesma?

            As eleições para Reitoria acontecerão dia 3 de maio. Muitas pessoas nem sabem disso ainda, por incrível que pareça. Se você está desinformado, ainda há tempo. Procure saber quais são as propostas dos candidatos, avalie o que de melhor cada um tem a oferecer. Eis o link para as propostas das chapas: <http://www.ufvjm.edu.br/site/comissaoeleitoral/>.

Agora que o voto é paritário, o nosso voto tem grande e direta influência sobre esta eleição, da mesma forma que ela influencia totalmente na nossa vida universitária.

Não posso pedir que todos participem das manifestações e esperar que todo mundo realmente o faça. Existe uma preguiça social incrustada em nós que muitas vezes nos faz negligentes. Mas quanto às eleições, cada um é responsável pelo seu voto, então prove que você é digno de estar em um Instituição Federal como a nossa e vote com responsabilidade. É o máximo que pedirei. É o mínimo que podemos fazer para melhorar a nossa Universidade.

Comments